VEREADORES SE REÚNEM COM O GERENTE DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL E COM PROPRIETÁRIOS DA LOTERIA

Diante das várias reclamações e indagações que os vereadores veem recebendo da comunidade quanto ao procedimento usado pela Agencia da CEF (Caixa Econômica Federal), bem como de sua concessionária “Lotéricas”, no atendimento dos terminais, e ao grande acúmulo de pessoas nas filas e a falta de estrutura de tais locais, a Câmara Municipal e o PROCON/CÂMARA com finalidade de esclarecer a população, e também, de suprir tais lacunas, reuniram-se juntamente com o gerente da Agência CEF de Cássia e os concessionários proprietários das Lotéricas, nesta quinta-feira, na sede da Agência, às 17:00 horas, e foi dito o que segue:

Quanto ao suposto limite de horário para atendimento dos caixas e terminais eletrônicos:

O gerente afirmou que não existe limitação de horário e/ou número de pessoas que serão atendidas, pois o horário de funcionamento interno do banco é das 10:00 às 15:00 horas.

Existe uma restrição quanto ao atendimento EXCLUSIVO DO FGTS, este atendimento será agendado as pessoas que chegarem até as 11:00 horas, após esse horário a pessoa não deixará de ser atendida, apenas, terá que usar a fila de atendimento geral.

– Quanto ao acúmulo de pessoas nas filas no autoatendimento da agência e nas lotéricas:

Os concessionários afirmaram que estão com problemas pela falta de um terminal que foi enviado para reparo há mais de 2 (dois) meses e a CEF não disponibilizou outro terminal para reposição, bem como pelo fato de ser final de ano, agravou ainda mais o acúmulo.

Outro fator que interferiu para o acúmulo de pessoas na fila é o fato de que vários correspondentes bancários terem encerrado suas atividades, gerando um maior número de pessoas atendidas por este órgão.

Já o gerente da Agência da Caixa afirmou que o acúmulo de pessoas nos terminais eletrônicos se dá de forma excepcional, ocorrendo, apenas, em determinados dias do mês. Sendo que a maioria dos serviços prestados são às pessoas com dificuldade, e tais atendimentos são, geralmente, mais demorados. Não tendo a agência suporte humano e físico para suprir de forma eficaz a demanda dos serviços todos os dias do mês.

– Quanto as acomodações para as pessoas que estão na fila das Lotéricas:

Os proprietários reafirmaram a necessidade de a CEF disponibilizar a substituição do terminal que está deficiente, bem como pelo fato de terem sido pegos de surpresa com o aumento, nos últimos meses, nos atendimentos.

Ademais, afirmaram que estão à procura de outro imóvel para mudança do estabelecimento, com intuito de melhorar a estrutura, proporcionando aos cidadãos um local com maior cobertura física interna.

Ao final foi ressaltada a importância da implementação de medidas de orientação ao cidadão quanto ao uso de malotes para serviços mais complexos, bem como o uso de mecanismos eletrônicos para pagamento de boletos.

Houve a informação, também, que existe a má fé de pessoas que usam o atendimento especial para fazer serviços à terceiros. Lembrando que tal atendimento é personalíssimo, sendo que a pessoa com necessidades especiais deve utilizar tais terminais apenas para uso próprio.

 

Telefones em casos de reclamações oriunda de tais órgãos:

– OUVIDORIA da CEF: 0800 725 7474

– Banco Central: 145 ou 0800-979-2345