O presidente da Câmara, vereador Luiz Adriano de Souza Machado, além dos vereadores Henrique Fernandes Alonso Neto, Luciana Evangelista, Luciano José Barreto e Ricardo Garcia Arantes, participaram em Brasília, no dia 24 de outubro, no plenário 16 do anexo II da Câmara dos Deputados, da reunião para tratar sobre a cota mínima das represas de Furnas e Peixoto. Na ocasião todos os Vereadores cassienses discursaram em defesa do Lago de Peixoto.

A reunião presidida pelo Deputado Federal Emidinho Madeira contou com a participação dos Deputados Federais Odair Cunha e Subtenente Gonzaga, o Deputado Estadual Professor Cleiton, representantes da ALAGO, AMEG, AMOG, lideranças políticas de nossa região, além do diretor-geral do ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), Luiz Eduardo Barata, para tratar de uma pauta extremamente importante para nossa região: a cota mínima dos Lagos de Furnas e Peixoto.

Atualmente o nível do Lago de Furnas está abaixo de 762 metros, que é o nível mínimo considerado seguro para atender a geração de energia e a economia local. Práticas como a psicultura, esportes aquáticos e o ecoturismo sofrem as consequências do baixo volume do reservatório. Vale lembrar que há 10 anos o “mar de Minas” estava com 95% de sua capacidade.

Infelizmente, o Lago de Peixoto (que banha as terras do Município de Cássia) está na mesma situação e também sofre com o baixo nível de água. Na reunião, os presentes ouviram a promessa do diretor-geral do ONS, Luiz Eduardo Barata, que o nível do Lago de Peixoto deverá chegar na casa dos 65% de volume útil, hoje o nível se encontra em 46,86%.

Link da TVSenado com a integra do Seminário Regularização do Nivel de Água de Furnas – 24/10/2019:

https://www.camara.leg.br/evento-legislativo/58122